Sobre lágrimas

As minhas lágrimas

não sei se me lavam

ou se me afogam.

 

Não sei se me matam

ou se me salvam.

 

Como são quentes

poderiam queimar meus olhos

e quando descem pela garganta

descem arranhando.

 

Porque esas lágrimas não passam

sem serem percebidas.

 

Não vão sem serem lembradas

Elas apenas são

meu escape ou a minha perdição.

14/03/2018

Publicado por JulianaRuiz

Olá, meu nome é Juliana e amo escrever. Já aprendi que escrever para mim não é uma escolha, mas sim aquilo que me define e me faz feliz... então estou aqui! Ficarei feliz com sua visita em meu blog! Abraço, Juliana

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: